You are currently viewing CEJES UAN publica o Relatório sobre os Efeitos Económicos e Sociais do Confinamento Social em Angola

CEJES UAN publica o Relatório sobre os Efeitos Económicos e Sociais do Confinamento Social em Angola

O Centro de Estudos Jurídicos, Económicos e Sociais (CEJES) da Universidade Agostinho Neto (UAN) de Angola, divulga o seu trabalho científico sobre os Efeitos Económicos e Sociais do Confinamento Social em Angola.

O estudo teve como objectivo captar alguns dos efeitos económicos e sociais, em diversas dimensões da vida social, como consequência do confinamento social imposto pela declaração do Estado de Emergência no país.

Como decorrência do confinamento social, a abordagem metodológica foi desenhada fazendo recurso ao uso de instrumentos, ferramentas e suportes digitais como forma de aceder à informação pretendida.

Foi realizado um inquérito por questionário, on-line, que registou 1.211 respostas válidas, no período entre 20 de Abril e 4 de Maio de 2020, quando se iniciou a segunda fase do Estado de Emergência em Angola.

O inquérito foi associado a um formulário Google e foi disseminado através de E-mail, Whatsapp e Facebook.

O inquérito não tem representatividade em termos de grupos populacionais, permitindo apenas relacionar variáveis e identificar pistas para análise.

A Coordenação Científica do estudo, esteve sob a responsabilidade do Professor Doutor José Octávio Serra Van-Dúnem, Professor Catedrático da FDUAN e Director do CEJES-UAN, e do Professor Doutor Carlos M. Lopes, Professor Associado do ISPTEC e Pesquisador do CEJES-UAN e do CESA-ISEG-ULisboa.

Também pertenceram à equipa de investigação os Drs. Além Panzo Manuel, Sociólogo, e Josué C. U. Chilundulo, Economista.

Eis, abaixo, o relatório na íntegra:

Deixe um comentário